NOTÍCIA: Como era a primeira serpente?


As serpentes sempre capturaram a imaginação dos homens. Seu corpo longo e sinuoso, reputação assustadora e grande diversidade – mais de 3400 espécies atuais – fazem delas um dos grupos de vertebrados mais populares.  Ainda assim, pouco se sabe sobre como, onde e quando surgiram as serpentes modernas. Contudo, recentemente, um estudo conduzido por Hsiang e colaboradores (2015) da Yale University pode esclarecer algumas dessas questões.

A equipe de Yale analisou o genoma, a anatomia e o registro fóssil de 73 espécies de serpentes e lagartos, vivos e extintos, e propôs que o ancestral das serpentes era noturno, forrageador de emboscada e tinha pequenos membros posteriores, com cotovelos e dedos, de acordo com a pesquisa publicada na revista BMC Evolutionary Biology (Fig. 1).

ancientsnake

Fig.1. Imagem representativa da serpente ancestral. Repare seus minúsculos membros posteriores. Crédito: Julius T. Csotonyi

Ao identificar semelhanças e diferenças entre as espécies, a equipe construiu uma grande árvore genealógica e destacou os principais padrões e características presentes na história evolutiva das serpentes. Os resultados indicam que as serpentes tiveram sua origem na terra, ao invés de ter sido no mar, como se acreditava anteriormente. Essa origem foi por volta de 128,5 milhões de anos atrás, durante o período Cretáceo e provavelmente aconteceu no supercontinente Laurásia. Esse período coincide com o aparecimento de várias espécies de mamíferos e aves na Terra.

A serpente ancestral provavelmente possuía um par de pequenos membros posteriores e predava vertebrados de corpo mole ou invertebrados, que eram relativamente grandes comparados aos animais predados por lagartos naquela época. No entanto, essa serpente não tinha desenvolvido ainda a capacidade de constrição o que poderia lhe permitir predar presas maiores que ela mesma, como acontece nas atuais jiboias. Além disso, enquanto muitos répteis ancestrais eram mais ativos durante o dia, a serpente ancestral era noturna. Hábitos diurnos aparentemente apareceram pela primeira vez nas serpentes no grupo Colubroidea, há 50-45 milhões de anos (Colubroidea é o grupo mais numeroso das serpentes, com 85% de todas as espécies atuais, englobando as populares Corre-campo e Cobra verde, por exemplo).


Fontes:

BioMed Central. “What did the first snakes look like?.” ScienceDaily. ScienceDaily, 19 May 2015.

Phys.org

Referência:

Allison Y Hsiang, Daniel J Field, Timothy H Webster, Adam DB Behlke, Matthew B Davis, Rachel A Racicot, Jacques A Gauthier. The origin of snakes: revealing the ecology, behavior, and evolutionary history of early snakes using genomics, phenomics, and the fossil record.BMC Evolutionary Biology, 2015; 15 (1) DOI: 10.1186/s12862-015-0358-5

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: